Alunoscriamjogoseestimulamoaprendizadodeoutrascrianças

Os jogos são uma ferramenta essencial dentro do processo de aprendizagem. De forma lúdica, os alunos aprendem brincando e, assim, a assimilação de conceitos muitas vezes acontece de forma mais rápida e efetiva. E como usar esse interesse natural das crianças pelos jogos online a favor do processo educativo? Na Pueri Domus – unidade Itaim, os alunos tiveram o desafio de criar jogos que abordassem os biomas brasileiros, como o Cerrado, a Mata Atlântica, a Caatinga, etc. Por meio do aplicativo "TinyTap", que permite construir jogos sobre qualquer tema, alunos do 5º ano do Ensino Fundamental se apropriaram da tecnologia para criar uma ferramenta interessante e atrativa de estudo não só para eles, mas para quem quiser se divertir e aprender, já que os jogos ficam disponíveis de forma pública. Dessa forma, além de aprofundar seus conhecimentos nas questões de ciências, também começam a ter contato com a lógica de programação. "Para os alunos, poder construir seus próprios jogos e partilhar seu conhecimento com familiares e outros colegas é uma experiência muito rica", afirma o professor Eduardo Cortez, Coordenador de Tecnologia Educacional. Um dos jogos tem como tema o bioma do Pantanal e já teve mais de 500 downloads. Os alunos já criaram jogos sobre outros tópicos como turismo sustentável, monumentos históricos da cidade de São Paulo e biografias, que já foram acessados mais de 8000 vezes e tiveram mais de 1070 downloads, sendo que alguns estão começando a receber monetização do aplicativo. Os jogos criados pelos alunos tornam o momento de brincar uma excelente oportunidade de aprender. "Até a família pode se envolver – os pais podem jogar junto com seus filhos. E o mais bacana é que os jogos ficam disponíveis para todos, ou seja, é possível criar uma base de conteúdo integrada e, o mais bacana, compartilhada. É uma oportunidade de apresentar conceitos de forma inovadora na internet. E isso, na minha opinião, contribui para resultados pedagógicos mais relevantes", afirma o prof. Eduardo.

Eventos

26 Jun, 18
04 Jul, 18
Veja todos os cases