ItaúUnibancoeStanChartfazemparceriaemblockchainnaAméricaLatina

O Itaú Unibanco e o Standard Chartered anunciaram nesta segunda, 03/12, uma parceria para desenvolver uma plataforma baseada em blockchain para pequenos empréstimos sindicalizados. A parceria representa o mais recente de uma série de esforços dos bancos para aproveitar o blockchain, um registro digital compartilhado de transações que é mantido por uma rede de computadores, e não por uma autoridade centralizada. O uso de blockchain no setor bancário deve reduzir o risco de fraude nas transações financeiras, bem como reduzir a complexidade e os custos, disseram os bancos. O Itaú Unibanco captou US$ 100 milhões com o Standard Chartered e o Wells Fargo em um empréstimo sindicalizado para testar a plataforma. Ricardo Nuno, diretor de tesouraria no Itaú, disse que os bancos negociaram todos os termos do empréstimo através da plataforma baseada em blockchain, mas não transferiu o dinheiro, embora ele tenha dito que a plataforma pode fazê-lo no futuro. Nuno, que disse que o Itaú também está considerando usar a plataforma para empréstimos a clientes, acrescentou que a plataforma ajudou os bancos a cortar custos legais e reduziu o número de mensagens trocadas entre as partes, que normalmente chega a cerca de 2 mil e-mails. Germana Cruz, chefe de instituições financeiras do Standard Chartered para a América Latina, disse que o banco pode usar o experimento em novos negócios na América Latina. Fonte: G1

Eventos

20 Dez, 18
Veja todos os cases