Usandointeligênciaartificial,oeBayShopBotsabeoquevocêgostaefazsugestõesapartirdisso
Patrocinado por

Vem se batendo na tecla da personalização há muito tempo, mas personalização de verdade não é fácil, porque somos todos diferentes uns dos outros. Quando se trata de compras, a dificuldade aumenta exponencialmente, porque temos que somar os diversos formatos e tamanhos, além da preferência por marcas específicas e as experiências particulares de cada um. Tudo isso faz com que o chatbot da eBay seja ainda mais interessante. Durante a Mobile Beat 2017, realizada em 11 e 12/07 em San Francisco, a empresa explicou melhor as características da aprendizado por máquina de seu eBay ShopBot que foi lançado em outubro de 2016 no Facebook Messenger. Ao navegar pelas sugestões, os usuários têm quase a sensação de que há um agente humano enviando-as. Segundo os analistas, é um bom exemplo de como as compras em geral mudarão nos próximos anos, principalmente à medida em que o e-commerce continua se expandindo. “A nova norma para o e-commerce será situacional”, explicou Japjit Tulsi, VP de Engenharia da eBay. “Algumas ocasiões de compra ocorrerão via interfaces de voz, sem a necessidade de uma tela. Algumas serão uma experiência híbrida, que pode incluir chatbots. Algumas serão em realidade virtual e aumentada. E algumas ocorrerão com o tradicional autosserviço online, sem necessidade de ajuda ou conversas.” A meta do eBay, segundo ele, é construir uma plataforma de IA que permita compras verdadeiramente personalizadas e ofereça um serviço melhor que o que seria oferecido por um vendedor. Dois bons exemplos disso têm a ver com a maneira como a IA no ShopBot “lembra” de você. Ele pode registrar o tamanho e as marcas de suas camisas para não ficar oferecendo Nike se você prefere Adidas. O bot também usa "computer vision" — ele pode encontrar produtos similares aos que sabe que você gosta, baseado em uma imagem similar. Até agora, o bot está em beta mas disponível para qualquer usuários. Fonte: Venture Beat