5dicasparaumbomatendimentoeme-commerce

O consumo em lojas virtuais está em grande ascensão e estes estabelecimentos estão cada vez mais preocupados e atentos em fornecer um bom atendimento para seus clientes. E-commerces cresceram 12,50% em comparação ao ano de 2017. Atualmente existem cerca de 675 mil lojas online no país. Pensando nisso, a especialista Elisabeth Ranny, CEO da empresa MV Serviços Virtuais, preparou cinco dicas para e-commerces que desejam oferecer uma boa experiência para seus clientes, que vai desde a compra ou resolver algum problema com o pedido.


  1. Domínio do Português – Atendimento em e-commerces são feitos por meio de mensagens de texto, as palavras podem ser interpretadas de diversas formas, por isso é necessário que as informações passadas aos clientes sejam claras e de fácil entendimento. Ter o domínio da língua facilitará em fornecer uma comunicação mais assertiva.

  2. Canais de Atendimento – É importante que a sua loja forneça aos seus clientes outras formas de contato, como por exemplo: via Whatsapp, Messenger ou Direct do Instagram que podem receber os primeiros contatos dos clientes. Isso vai ser um diferencial para o seu cliente, o fato dele poder entrar em contato com a loja independente do meio e conseguir resolver o seu problema faz com que sua experiência de compra se torne mais satisfatória.

  3. Agilidade e Dinamismo – No meio digital as informações têm um alcance muito mais rápido. Se o cliente fez uma pergunta ele espera ser respondido prontamente. Esteja atento aos chamados que a empresa recebe e preparado para solucionar as dúvidas de forma ágil e com exatidão nas informações passadas.

  4. Seja Paciente – Esteja preparado para receber reclamações. “Perder a cabeça” não resolve o problema, manter a seriedade é importante. O melhor a se fazer é tentar entender as necessidades do cliente e solucionar o chamado.

  5. Feedbacks – Para finalizar, se seus clientes continuam consumindo seus produtos, mesmo que tenham tido algum problema na hora da compra, é por que seus produtos tem qualidade e eles gostam de consumi-los, por tanto, não pensem que uma crítica ou sugestão quer dizer que querem acabar com o seu negócio, o pensamento é sempre em te atentar para que a experiência na hora da compra melhore cada vez mais. Peça feedbacks aos seus clientes, tenha em seu site ou redes sociais um campo que possibilite interação, assim você terá retornos claros sobre como poderá melhorar. Fonte: IP News

Eventos

Veja todos os cases